segunda-feira, fevereiro 14, 2005

dia quarenta e um : 41 : vida de sebastião [crónica a preto e branco de um cão amarelo # 07]

gostei, entre corridas e saltos, de saber que a minha imagem ajudou os marretas a definir o peculiar estado da arte matinal. um abraço particular ao animal.


[cão amarelo faz breve pausa na habitual sessão de brincadeira vespertina]
[fotografia por fdv]

1 comentário:

miguel disse...

O meu cão amarelo é fotocópia do seu. Separados à nascença?
Exhibit AExhibit BExhibit CExhibit D